ESG - O que é e como adequar a sua empresa ?

Por Rita Souza

Embaixadora do Squad de Governança do HUBRH+_ABPRH




ESG - Environmental, Social & Governance é uma sigla que reúne práticas corporativas que buscam atuar nas pautas ambientais, sociais e de governança e que hoje são critérios para determinar o desempenho financeiro futuro das empresas.


Como é que é?


Isso mesmo, hoje as empresas são avaliadas pela adoção dessas práticas e por sua atuação nos propósitos oriundos dessa agenda que demonstrarão seu compromisso com a sustentabilidade do planeta e também com os cuidados com a sociedade.


O ambiente de negócios em diversos setores da economia tem se tornado mais complexo. Considerar as práticas ESG no modelo de gestão, quer seja empresa de capital aberto, fechado ou de controle familiar é um grande desafio. Compreender o ambiente sistêmico e a cultura das organizações, assim como adequar o modelo de governança são caminhos para o sucesso.


E como posso implementar?


Ambiental - Atuando na conservação do meio-ambiente, se preocupando com questões como aquecimento global e emissão de carbono; desmatamento; gestão de resíduos; poluição do ar e da água e recursos naturais.


Social – Nas relações com clientes e colaboradores promovendo a satisfação dos clientes; diversidade da equipe; engajamento dos funcionários; respeito aos direitos humanos e às leis trabalhistas; proteção de dados e privacidade; relacionamento com a comunidade;

Governança – Através da composição do conselho; criação de comitês de apoio ao conselho; regramento da conduta corporativa; remuneração dos executivos; relação com entidades do governo e políticos; existência de um canal de denúncias.


Benefícios da implantação do ESG


E através da adoção dessas práticas, as empresas poderão observar um retorno em benefícios de longo prazo:


1) ganham uma marca corporativa forte e com capacidade de atrair investimentos;

2) atraem e retém os talentos do mercado ao fortalecer o propósito social e os valores da empresa junto a sociedade e a seus colaboradores e

3) geram uma cadeia de valor entre empresas que com esse compromisso se apoiam e geram um crescimento sustentável.


Quando a empresa decide implementar ESG por obrigação, ou seja, “fazer porque deve!”, a sustentabilidade é custo e representa preocupações adicionais que não agregam valor ao negócio.

Quando a empresa decide implementar ESG como visão, ou seja, “fazer porque quer!”, a sustentabilidade é oportunidade e representa um posicionamento que adiciona valor ao negócio.

As empresas com ESG implantado como visão, aumentam sua geração de valor de mercado, em especial sob o ponto de vista dos ativos intangíveis como reputação, brand, confiança, credibilidade e integridade.

© 2021 por ABPRH Associação Brasileira dos Profissionais de RH