Liderança Positiva na Prática: O impacto saudável na sua equipe!


“O maior líder é aquele que reconhece sua pequenez, extrai força de sua humildade e experiência da sua fragilidade”.

Augusto Cury

Um retrato de quem aprendeu isso na prática com sua própria equipe!


Liderar uma equipe, em qualquer sentido da palavra, requer um trabalho que não é fácil.

Segundo James C. Hunter, autor do livro O Monge e O Executivo, liderança é "a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir objetivos comuns, inspirando confiança por meio do caráter".

Ou seja, a Liderança não está necessariamente atrelada ao cargo que possui, mas sim às atitudes. Costumo dizer: Eu não sou Gerente de XYZ. Eu estou como. Amanhã posso não estar mais.

Mas antes de falar de liderança, vamos entender as diferenças de um líder para um chefe?

Características de chefe:

O chefe grita ordens, portando-se como alguém superior, com quem seus colaboradores não possuem abertura de diálogo. É o tipo: Manda quem pode, obedece quem tem juízo. Péssima postura! O chefe ordena a execução de trabalhos. Não ouve seus colaboradores e somente a sua opinião é válida e a correta. Ele já “sabe de tudo”, não escuta e não percebe o talento que a equipe tem a oferecer.

Características de líder:

O líder trabalha junto com sua equipe em busca de um objetivo em comum. Todos em prol do mérito coletivo. O líder se preocupa em saber se a equipe tem todas as ferramentas, conhecimentos e habilidades para executar aquela função. Um líder oferece suporte sempre que necessário. O líder está sempre aberto para novas informações e aprendizados que pode obter com todos a sua volta. Em suma, sua equipe tem voz e abertura para expor ideias colaborativas. Em suma, ele coloca em prática o “Juntos somos mais fortes! ”

Agora que entendemos a diferença entre Chefe e Líder, como colocar em prática uma Liderança Positiva dentro das organizações e na sua equipe?

De fato, a liderança positiva vem tomando conta dentro das organizações. Esse modelo de gestão é responsável por impactar positivamente as pessoas e impulsionar as equipes. Neste sentido, equipes integradas e felizes, trazem melhores resultados.

Para que você pratique uma liderança positiva, confie em seus liderados, mas saiba delegar de forma responsável. O que isso significa? Significa não delegar simplesmente e "deixar pra lá".

A liderança positiva sabe orientar a quem delegou a tarefa, de forma que o ajude a executá-la, mas sem engessar, permitindo que esse colaborador tenha liberdade para trabalhar.



A liderança positiva difere-se baseada nas ideias e relações únicas nas quais cada teoria é fundamentada. No entanto, geralmente elas incluem componentes em comum, como:

· Experimentar, modelar e aprimorar emoções positivas;

· Um líder positivo é interessado no desenvolvimento da sua equipe e também nos resultados;

· Possui grande autoconsciência, otimismo e integridade pessoal.

Líderes positivos são elementos chaves na otimização de performance da equipe, colaboradores e empresas.


Mas o que é necessário para ser um líder positivo?

1. Positive o capital humano

Como líder, você tem profunda responsabilidade em tornar o mundo em um lugar melhor. Agindo como um líder positivo (ou seja, focar sua atenção em melhorar a capacidade positiva da empresa) você irá beneficiar a sua saúde mental, da sua equipe e consequentemente dos seus Clientes. Líderes positivos têm um viés positivo: Eles focam em forças e capacidades e afirmam até onde pode chegar o potencial humano. Aproveite o que as pessoas da sua equipe possuem de melhor e saiba extrair isso delas.


2. Foque no humor

Sempre que experimentamos emoções positivas, como alegria, simpatia, orgulho, admiração e gratidão, nos ajudam a abrir nossas mentes. Assim, conseguimos pensar com mais criatividade e de maneira mais colaborativa para lidar com mais resiliência com os altos e baixos que existem em qualquer ambiente de trabalho, principalmente nas lideranças.


3. Cultive relacionamentos positivos

Nossas relações com outras pessoas são a melhor garantia de diminuir nosso estresse e melhorar a nossa relação no ambiente corporativo. Isso acontece pois a cada vez que nos conectamos com outra pessoa, o hormônio indutor de prazer é liberado na corrente sanguínea, ajudando a diminuir a ansiedade.


4. Encontre um propósito

Nosso propósito está acima de tudo! Mesmo de promoções, salários, segurança e jornada. Saber que o trabalho realizado tem um impacto positivo e significativo na vida de outras pessoas faz com que a motivação seja alta. Foque sua equipe não somente no “o quê” é feito todo dia, mas em “como” foi feito e no “porque” de fazer aquilo. Como resultado, o trabalho realizado diariamente, mesmo que seja repetitivo, ganha muito mais sentido.



5. Expire Esperança

Mesmo que a maioria das pessoas ache que amanhã será melhor que hoje, poucas praticam isso diariamente. Faça o seu melhor para derrubar obstáculos e tornar mais fácil para sua equipe concluir o trabalho e traga pessoas de dentro e fora da empresa que possam inspirar outras. Ter uma visão positiva do futuro ajuda a manter sua equipe engajada e motivada a realizar as entregas.

E lembre-se: Competências, habilidades e atitudes de liderança são os fatores de diferenciação entre profissionais que, de fato, se destacam!

Faz sentido para você?

Agora que você já sabe da importância da liderança positiva, que tal compartilhar esse artigo nas suas redes sociais?



Por Squad Gente & Gestão

ABPRH



© 2021 por ABPRH Associação Brasileira dos Profissionais de RH