Nota Reflexiva – O combate ao preconceito Racial é uma urgência e um dever de todos nós.


Nós, do Comitê de Diversidade e Inclusão da ABPRH – Associação Brasileira de Profissionais de Recursos Humanos nos manifestamos veemente contra o histórico processo de violência e preconceito racial presente em nossa sociedade e que é noticiado cada vez mais fortemente tendo em vista os últimos fatos - violência e assassinato de pessoas negras por policiais, seja no Estados Unidos e no Brasil , assistidos por uma plateia mundial.

É notório que o persistente e insidioso processo de racismo estrutural se entranha de todas formas em nossa relações sociais e institucionais, produzindo todas as formas de violência e discriminação, reforçada por um sistema que prioriza e valoriza os privilégios da branquitude.

O contexto sócio histórico nunca favoreceu a equidade racial e atualmente se beneficia de mecanismos estruturados para a reprodução contínua do racismo, o que repudiamos fortemente.

Partindo da premissa que nascemos humanos e nosso código genético nos define como uma espécie única, rica em características psicológicas e fenotípicas diversas, a identidade racial entendida como um marcador social e cultural estabelece um rede sistêmica de opressão e violência a pessoas negras, tendo em vista as perspectivas do Racismo Estrutural presente de forma intensa nos diversos contextos sociais.

Considerando os mais recentes estudos baseados na Neurociências, podemos entender que como seres humanos em processo de contínua evolução, nossa mente primitiva de milhares de anos atrás, se defendia de tudo o que era diferente de nós, pois o diferente poderia ser uma ameaça. A partir disso, racializamos e alimentamos séculos de morte, exclusão, genocídio, egoísmo, narcisismo e opressão, por conta de uma diferença que mantem grupos de poder e privilégio.

Agora em pleno século XXI, já temos um cérebro bem mais evoluído, capaz de revisitar as reações emocionais moldadas pelo passado, reações instintivas e animalesca para atualizá-las aos novos valores humanos, mais agregadores, igualitários e promotores da vida digna a todos, o que inclui nosso veemente repúdio a toda e qualquer manifestação de preconceito e violência baseada em diferenças raciais e étnicas.

Trabalhamos para prevenir e promover um mundo equânime em todas as suas formas.

Temos como missão educar e conscientizar profissionais de recursos humanos e também todas as pessoas que temos acesso para os valores do respeito e cultura de paz. Praticamos os comportamentos que resultarão na humanidade que desejamos.

Repudiamos e agimos contra qualquer tipo de racismo, discriminação, violência e outros valores e comportamentos que atrasam nossa unidade como serem humanos.

© 2018 por ABPRH Associação Brasileira dos Profissionais de RH | Av. das Nações Unidas, 14.401 - Conj 1302 - Torre Tarumã

Parque da Cidade - São Paulo/SP - CEP: 04794-000 

Orgulhosamente criado por Eleven2You